Só um abraço

Hoje eu só quero um abraço
Para aliviar meus medos, meus cansaços
Minhas culpas, meus fracassos... 
Quero o gesto terno de um toque
ou o silêncio do olhar
O gosto doce de um sorriso
O verbo, o ato, o fato
sem desalinho
apenas cuidado...apenas carinho...
Só hoje, e amanhã...e depois de amanhã.....e depois.....e depois....


Elzinha Coelho



Comentários

  1. Sim, faria toda a diferença se num abraço em especial eu hoje pudesse estar. Seria como viver um sonho impossível e nunca mais acordar. Lindo poema e necessário para o bem estar. bjos.

    ResponderExcluir
  2. Amiga Elza, quanta beleza e quanta ternura encontrei neste teu poema! Amei.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderExcluir
  3. O abraço cria laços, desembaraços.
    Obrigada pelo carinho Simone.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  4. Ah! Dilmar meu amigo, como me faz bem tuas palavras. Obrigada por estar sempre me incentivando.
    Grande beijo

    ResponderExcluir
  5. Sou sua fã Elzinha...
    Seus poemas são demais, me identifico com muitos...
    Meus parabéns!
    ;)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Seu comentário é fundamental. Beijos

Postagens mais visitadas deste blog

Escolhas