Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015

Coração...

Imagem
Imagem
COMPAREÇAM, SERÁ UM PRAZER CONHECÊ-LOS!! A PROGRAMAÇÃO ESTÁ IMPERDÍVEL!! Curta o evento: https://www.facebook.com/events/581436868658024/

Acesse o site www.livrosempauta.com.br — comElzinha Coelho em FAPCOM - Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação.

AS QUATRO ESTAÇÕES - ANTOLOGIA DE POEMAS

Imagem
LANÇAMENTO Sábado, 30 de maio à partir das 10:00 h PARTICIPO E ESTAREI LÁ!!! ESTÃO TODOS CONVIDADOS!!! FAPCOM - Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação em São Paulo

ORGANIZADOR: Edson Rossatto SINOPSE: Há aqueles que sentem solidão no inverno, enquanto outros aproveitam a companhia e um bom conhaque. Também existem os que se deixam cortar para renascerem com as flores da primavera. Não são poucos os que esperam o ano todo pela alegria do verão. E o outono, junto com os frutos e Folhas secas, traz ainda momentos de reflexão. As quatro estações provocam sentimentos, suscitam palavras, afloram desejos... Os poemas deste livro são frutos de reflexões de poetas, que não apenas grafaram alegrias da vida, mas também a tristeza da solidão que só quem ama sozinho é capaz de sentir. Edson Rossato LANÇAMENTO: 30 de maio de 2015, na 5ª edição do evento LIVROS EM PAUTA PELA ANDROSS EDITORA (www.livrosempauta.com.br)

Atitudes

Imagem
Amar em atitudes, sabes a preciosidade disso?
Se desculpar é amor
Estar disponível é amor
Cuidar, entender, aceitar... é amor

É uma questão de relacionamento, não de mensagem

Palavras? O que são elas diante dos atos?
Amor é estar em sintonia com o que sentes e o que fazes
Desamor também, mas quando falas em amor e o que fazes é desamor, então é hipocrisia o que fazes!

Elzinha Coelho

EXPIAÇÃO

Imagem
Nunca me respondeste, quando te chamei,
E só Deus sabe como era urgente e aflita
A minha voz!
Mas, desgraçadamente sós,
Morrem os que se afogam
No mar da sua própria condição.
O meu, sem margens, é um descampado
Desabrigado.
Vagas e vagas de solidão,
E a tua imagem, litoral sonhado,
Sempre evocada em vão.
Nunca me respondeste, e foi melhor assim.
Um náufrago perpétuo é um pesadelo.
Dizer-me o quê?
Que, de longe, me vias afogar,
Mas que nada podias.
Pois sabias
Que os poetas jurados,
Humanas heresias,
Nascem condenados
A morrer afogados
Todos os dias
No tormentoso mar dos seus pecados."

De Miguel Torga: http://www.contioutra.com/7-encantadores-poemas-de-miguel-…/

A vida é leve

Imagem
É bem assim que quero estar, meio cá, meio acolá... meio sei lá!

Elzinha Coelho

Ela

Imagem
Eu bem que avisei, mas parece que coração e mente não se comunicam naquele ser! Basta antever a pretensa possibilidade se uma gotinha de felicidade e pronto, lá vai ela levando só o tal coração e a mente depois do estrago que dê seus pulos e conserte o que inerte não conseguiu evitar.   E assim ela segue... sempre com o coração nas mãos, antevendo a pretensa possibilidade. 
Elzinha Coelho

Panfleto

Imagem
Mulher de fino trato, bem formada e educada. Resolvida financeira e emocionalmente. Terapeuta, cozinheira, massagista. Companheira, psicóloga, motorista. Fogosa, cheirosa, altruísta. Dedicada, alegre, economista. Procura homem que tenha... coração! 

Elzinha Coelho