MEUS INCENTIVADORES- GOSTARAM E FICARAM!!

quinta-feira, março 31, 2011

Saudades...



É noite, da janela do meu quarto contemplo o céu recamado de estrêlas 
O som nostálgico da canção do ADEUS corta o espaço aumentando  a minha angústia e o meu tormento...
É em ti que penso neste momento como nos demais dias da minha vida
Vê como o tempo passa...
Tudo é ligeiro na vida.
Com tudo isto, penso que não mereço o seu amor.
Nesta conotação mora uma saudade
E na minha visão retrata a tua imagem que se tornou um lindo sonho de amor.

Este texto me foi enviado por uma grande amiga, Zenaide.

A imperfeita perfeição feminina



Ser mulher é ser predestinado a vivenciar a completude dos sentimentos.
Quando roga em altos brados, seu amor é maior!
De suas entranhas ela quer o bem ou deseja o mal...
Ela é por natureza mãe e felina. Chora suas dores sem parcimônia,
Grita sua coragem sem nó na garganta.
Sabe aconchegar e reconhece seu potencial de desprezo.
Sua docilidade e carinho por tudo não disfarça sua fortaleza, castigo ou indiferença.
É dona de seu próprio corpo quando liberta, ou doa-se em total consentimento.
Amamenta a esperança de um mundo igualitário entre gêneros.
Reconhece que brilha ou decepciona-se por descaminhos...
Destemida da pobreza dos espíritos, muitas vezes mergulha no fosso de sua extremada confiança.
Sua maior briga de foice com o tempo é por lhe roubar à beleza.
Casada, solteira, amante, companheira, nova, velha ou simplesmente indiferente...
Carrega o desejo estampado no olhar e a vontade, o querer, lapidados no gosto.
Quando acuada tem a força da inteligência ou perde-se na submissão.
Quer compreender e quer ser compreendida, torna-se “sexy símbol” por conveniência.
Quando esposa, companheira são absolutas. Sua fragilidade é escudo de sua fortaleza.
Caminha pela via da vida a procura...
[Reconhecimento, amor, prazer e respeito são vias de merecimento!].


Lufague.

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=178947#ixzz1IDVycOh4
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Sapinho muito lindo!

Veja esta e outras animações em www.mixanimacoes.com

quarta-feira, março 30, 2011

Minta...



Se não encontrar motivo pra se sentir feliz, 
finja até acreditar.
Essa é a unica vantagem de fazer parte de uma espécie que tem tamanha habilidade de mentir para si.

terça-feira, março 29, 2011

A Arte de Pensar



Não possuo o cérebro no estomago para não digerir
Meus conflitos, meus medos e rígidas crenças
Bem sei não ser nada fácil, governar o universo pensar
Nem ter domínio da totalidade de meus sentires...

Quem dera experimentar o silencio dos pensamentos
Ter o dom da dominação do tino, do sentido e do senso
Reconhecer com serenidade a grandeza e o valor do erro
Ter à magnanimidade de me colocar no lugar do outro.

Quem dera controlar o equivoco do pessimismo
O desacerto dos enfrentamentos, o ciúme exacerbado
A desinteligência, ignorar os traumas não-superados
A intolerância as pequenas discrepâncias da imperfeição.

Quem dera poder adaptar-me as adversidades
Do amor os desatinos, a inexatidão, os lapsos
Ter na medida á sensibilidade do estado emocional

Quem dera ter a habilidade na construção das idéias
Conhecer os instrumentos que esquema à consciência
A arte de pensar e sua precisão meditativa ...

Quem dera entender as oscilações do ser
Os desvios entre húmildades e arrogâncias
Encontrar na autoestima o equilíbrio
Que flutua entre humano e Divino!

Lufague

http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=153137
Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=153137#ixzz1I0emqajN
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Barco



Olha, eu sei que o barco tá furado e sei que você também sabe, mas queria te dizer pra não parar de remar, porque te ver remando me dá vontade de não querer parar também.Tá me entendendo? Eu sei que sim. Eu entro nesse barco, é só me pedir. Nem precisa de jeito certo, só dizer e eu vou. Faz tempo que quero ingressar nessa viagem, mas pra isso preciso saber se você vai também. Porque sozinha, não vou. Não tem como remar sozinha, eu ficaria girando em torno de mim mesma. Mas olha, eu só entro nesse barco se você prometer remar também! Eu abandono tudo, história, passado, cicatrizes. Mudo o visual, deixo o cabelo crescer, começo a comer direito, vou todo dia pra academia. Mas você tem que prometer que vai remar também, com vontade! Eu começo a ler sobre política, futebol, ficção científica. Aprendo a pescar, se precisar. Mas você tem que remar também. Eu desisto fácil, você sabe. E talvez essa viagem não dure mais do que alguns minutos, mas eu entro nesse barco, é só me pedir. Perco o medo de dirigir só pra atravessar o mundo pra te ver todo dia. Mas você tem que me prometer que vai remar junto comigo. Mesmo se esse barco estiver furado eu vou, basta me pedir. Mas a gente tem que afundar junto e descobrir que é possível nadar junto. Eu te ensino a nadar, juro! Mas você tem que me prometer que vai tentar, que vai se esforçar, que vai remar enquanto for preciso, enquanto tiver forças! Você tem que me prometer que essa viagem não vai ser a toa, que vale a pena. Que por você vale a pena. Que por nós vale a pena.
Remar.
Re-amar.
Amar.

Sensibilidade



"Sabe o que quero de verdade? Jamais perder a sensibilidade, mesmo que às vezes ela  arranhe um pouco.
Porque sem ela, não poderia mais sentir a mim mesma" 

Clarice Lispector

O óbvio



O óbvio é a verdade mais difícil de se enxergar...

Desencontros



"Depois de tantas buscas, encontros, desencontros, acho que a minha mais sincera intenção é me sentir confortável, o máximo que eu puder, estando na minha própria pele. É me sentir confortável, mesmo acessando, vez ou outra, lugares da memória que eu adoraria inacessíveis, tristezas que não cicatrizaram, padrões que eu ainda não soube transformar, embora continue me empenhando para conseguir."

O orgulho



O orgulho é um dos grandes males da humanidade. Em nome dele, muitos bons momentos se perdem….verdadeiras amizades não se concretizam…belos encontros não acontecem…simplesmente porque o orgulhoso se fecha dentro de si mesmo….”e assim caminha a humanidade”…cheia de solidão…. 


Elzinha

domingo, março 27, 2011

Quero tudo novo de novo



Quero tudo novo de novo. Quero não sentir medo. Quero me entregar mais, me jogar mais, amar mais.
Viajar até cansar. Quero sair pelo mundo. Quero fins de semana de praia. Aproveitar os amigos e abraçá-los mais. Quero ver mais filmes e comer mais pipoca, ler mais. Sair mais. Quero um trabalho novo. Quero não me atrasar tanto, nem me preocupar tanto. Quero morar sozinha, quero ter momentos de paz. Quero dançar mais. Comer mais brigadeiro de panela, acordar mais cedo e economizar mais. Sorrir mais, chorar menos e ajudar mais. Pensar mais e pensar menos. Andar mais de bicicleta. Ir mais vezes ao parque. Quero ser feliz, quero sossego, quero outra tatuagem. Quero me olhar mais. Cortar mais os cabelos. Tomar mais sol e mais banho de chuva. Preciso me concentrar mais, delirar mais.
Não quero esperar mais, quero fazer mais, suar mais, cantar mais e mais. Quero conhecer mais pessoas. Quero olhar para frente e só o necessário para trás. Quero olhar nos olhos do que fez sofrer e sorrir e abraçar, sem mágoa. Quero pedir menos desculpas, sentir menos culpa. Quero mais chão, pouco vão e mais bolinhas de sabão. Quero aceitar menos, indagar mais, ousar mais. Experimentar mais. Quero menos “mas”. Quero não sentir tanta saudade. Quero mais e tudo o mais.
 
“E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha".

Sentimento...


"Parece que jamais serás a mesma e que nada mais terá sentido como antes, mas assim como é líquida essa tristeza, essas águas são dinâmicas e fluidas.Então deixa que as coisas se renovem, e que as perdas tenham mais de um sentido, que os vazios te ofereçam mais espaço, pra que a vida te compense com o impossível.E permita que a alegria se aproxime, e que traga mais calor para os teus dias, quando tudo nos parece um desolo, é possível ainda assim, ser poesia.
Seja forte, siga em frente, respire fundo, e perceba a importância de se ter braços vazios, pra que se possa ter espaço em si para abraçar o mundo."

Não pode ser amigo quem não ama incondicionalmente




Admitir fraquezas é as vezes complicado, mas quero falar de uma das muitas  que  tenho. ….minha necessidade viseral por amigos. Tenho amigos adoráveis…. Cada um à sua maneira, fazem parte da minha vida de um jeito especialmente único.
Nesta vida louca, ter amigos se tornou uma missão difícil, mas eu não tenho do que reclamar. Tenho a sorte, ou a benção, seja lá o nome que isso tem, de ter do meu lado seres lindos, belos, pensantes, intrigantes, criticos, cultos, loucos e completamente amados por mim. Posso ficar sem ve-los por meses, anos talvez, mas sei que estão ali, se eu torcer o pé e der um berro, sei que alguém vai me segurar na mão e me acalmar, e é isso que faz a minha vida valer a pena, é isso que dá sentido a todas a minhas verdades…

A vocês amigos meus, que tantas histórias protagonizaram, amigos de  tantas trocas, de tantas vidas, de tantas vezes, é de vocês toda imensidão do meu carinho…..


“…..E às vezes, quando os procuro, noto que eles não tem noção de
como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu
equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu,
tremulamente, construí e se tornaram alicerces do meu encanto
pela vida.
Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado.
Se todos eles morrerem, eu desabo!
Por isso é que, sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles.
E me envergonho, porque essa minha prece é, em síntese, dirigida
ao meu bem estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.
Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.
Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma
lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer 


Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da
vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando
comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e,
principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que
são meus amigos!….”

Vinícius de Moraes

Tudo muda tanto...


"Não separe com tanta precisão os heróis dos vilões, cada qual de um lado, tudo muito bonitinho como nas experiências de química. Não há gente completamente boa nem gente completamente má, está tudo misturado e a separação é impossível. O mal está no próprio gênero humano, ninguém presta. Às vezes a gente melhora. Mas passa ... E que interessa o castigo ou o prêmio? ... Tudo muda tanto que a pessoa que pecou na véspera já não é a mesma a ser punida no dia seguinte."


sábado, março 26, 2011

Almanaque Poético: Meu Ar: A Vida

Almanaque Poético: Meu Ar: A Vida: "Meu Ar: A Vida Tenho que inspirar, pra que assim eu possa expirar tudo que recebo de vida e da vida do mundo, eu, por existir, tenho que d..."

Você é...



Você é os brinquedos que brincou, as gírias que usava, você é os nervos a flor da pele no vestibular, os segredos que guardou, você é sua praia preferida, Garopaba, Maresias, Ipanema, você é o renascido depois do acidente que escapou, aquele amor atordoado que viveu, a conversa séria que teve um dia com seu pai, você é o que você lembra.

Você é a saudade que sente da sua mãe, o sonho desfeito quase no altar, a infância que você recorda, a dor de não ter dado certo, de não ter falado na hora, você é aquilo que foi amputado no passado, a emoção de um trecho de livro, a cena de rua que lhe arrancou lágrimas, você é o que você chora.

Você é o abraço inesperado, a força dada para o amigo que precisa, você é o pelo do braço que eriça, a sensibilidade que grita, o carinho que permuta, você é as palavras ditas para ajudar, os gritos destrancados da garganta, os pedaços que junta, você é o orgasmo, a gargalhada, o beijo, você é o que você desnuda.

Você é a raiva de não ter alcançado, a impotência de não conseguir mudar, você é o desprezo pelo o que os outros mentem, o desapontamento com o governo, o ódio que tudo isso dá, você é aquele que rema, que cansado não desiste, você é a indignação com o lixo jogado do carro, a ardência da revolta, você é o que você queima.

Você é aquilo que reinvidica, o que consegue gerar através da sua verdade e da sua luta, você é os direitos que tem, os deveres que se obriga, você é a estrada por onde corre atrás, serpenteia, atalha, busca, você é o que você pleiteia.

Você não é só o que come e o que veste. Você é o que você requer, recruta, rabisca, traga, goza e lê. Você é o que ninguém vê.

sexta-feira, março 25, 2011

Guardo-te no meu sonho



T
enho saudades do tempo em que te esperava

daquele tempo gasto pelas horas perdidas

que passava a pensar em ti

agora já não te espero, agora o tempo só passa

na indiferença dos dias que se tornaram vazios

lembro-te por vezes nas falsas memorias que ainda guardo

dos momentos em que o desejo de te ter era tanto

que a minha imaginação me levava para os teus braços

lembro-me de todas as palavras, ouvidas no silêncio da tua voz

do prazer dos beijos que me cobriam o olhar

do medo de acordar de uma realidade inventada por mim

agora já não te espero…

mas guardo-te no meu sonho, onde mato as saudades

porque só ai tu és meu

porque só ai…

…eu te posso encontrar.


MJ.

Adicionado por Maria José
ao grupo "A Casa Das Palavras"

Burn - Dom Peppone Band


Um grande amigo fazendo o que gosta e mostrando o seu talento.

Verdade...





“O destino decide quem vamos encontrar na vida, as atitudes decidem quem fica..” 


Desconhecido

O Destino...



“Esquecer é uma necessidade.  A vida é uma lousa, em que o destino, para escrever um novo caso, precisa de apagar o caso escrito.” 


 Machado de Assis

Mais do que dôce.....




…é saber que tudo se move a nossa volta, tudo se transforma e, até mesmo quando nos recusamos a acompanhar a dança da vida, sem percebermos, ela nos tira pra dançar, nos envolve com um ritmo novo. Quando isso acontece? Quando nos abrimos para a magia de viver e respirar as entrelinhas, os silêncios.


Caio Fernando Abreu

A vida está nos olhos de quem sabe ver...




É preciso a certeza de que tudo vai mudar;
É necessário abrir os olhos e perceber que as coisas boas estão dentro de nós:
onde os sentimentos não precisam de motivos nem os desejos de razão.
O importante é aproveitar o momento e aprender sua duração;
Pois a vida está nos olhos de quem sabe ver …
Se não houve frutos, valeu a beleza das flores.
Se não houve flores, valeu a sombra das folhas.
Se não houve folhas, valeu a intenção da semente.
Henfil

Reticências....



Quando aprenderemos a dosar nossas atitudes dentro de tudo aquilo em que acreditamos??? As vezes fazemos algo tão longe de todas as nossas verdades…
Elzinha

Ser generosa sim....boazinha não!!!!




Quem gosta de diminutivos, definha. Ser boazinha não tem nada a ver com ser generosa.
Ser boa é bom, ser boazinha é péssimo. As boazinhas não têm defeitos.
Não têm atitude. Conformam-se com a coadjuvância. PH neutro. Ser chamada de boazinha, mesmo com a melhor das intenções, é o pior dos desaforos.
Mulheres bacanas, complicadas, batalhadoras, persistentes, ciumentas, apressadas, é isso que somos hoje.
Merecemos adjetivos velozes, produtivos, enigmáticos.

As “inhas” não moram mais aqui.
Foram para o espaço, sozinhas.

(Martha Medeiros)

Crueldade



A COISA MAIS CRUEL QUE SE PODE FAZER É PERMITIR QUE ALGUÉM SE APAIXONE POR VOCÊ, QUANDO VOCÊ NÃO PRETENDE FAZER O MESMO.

É assim...



Se uma pessoa quer fazer parte da tua vida, ela estará lá. Não perca seu tempo com algo diferente disso.

Quando eu quiser



“Sou companhia, mas posso ser solidão… Tranquilidade e inconstância, pedra e coração. Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. Música alta e silêncio. Serei o que você quiser, mas só quando eu quiser.”
Clarice Lispector

quinta-feira, março 24, 2011

Karolina Gočeva, Nina Badrić, Aleksandra Radović, Maya Sar - Moj je živo...

Desabafo



Tô nem aí pro futuro, pra celulite, tô nem aí para queixas datadas, tô nem aí pro telefone mudo, pros surdos, pro preço do combustível, tô nem aí se vai chover amanhã, se o presidente vai viajar, se vai voltar, tô nem aí.
Pra discussão sobre maioridade penal, violência e barbárie, tô aí. Pro fim desta impunidade que incrementa a bestialização das nossas vidas, tô muito aí.
Tô nem aí pros especuladores da vida alheia, pro Schwarzenegger, pros índices de audiência, tô nem aí se fui convidada ou preterida, quem é a primeira da lista, a segunda, a última, tô nem aí pro novo namorado da Nicole, pras declarações da Luana, quem é gay ou não, com silicone ou sem, se é virgem, se é rodada.
Pros sentimentos das pessoas, tô aí. Para seus desejos e dúvidas, para seus medos e ousadias, tô aí. Para tudo aquilo que tem consistência, para tudo aquilo que nos comove, para o leve e o denso, para a alegria genuína e para o luto, tô aí, sim.
Tô nem aí para quantas calorias tem um bife, tô nem aí pra corrida espacial, se há vida após a morte, tô nem aí pro carro do ano, pra musa do próximo verão, pro gol mais bonito do domingo, pra manchete da capa de amanhã.
Para a grosseria e a falta de delicadeza que corrói as relações, tô aí. Para a brutalidade das pessoas, pro egoísmo, pra falta de educação e civilidade, para todos que possuem uma nuvem preta acima da cabeça e a carregam pra onde quer que vão, tô aí e me dói profundamente.
Tô nem aí pro que foi decidido na reunião de condomínio, na reunião de cúpula, na reunião de mães, nas reuniões que duram mais de dez minutos, tô nem aí pro salário dos outros, pras novas tendências, pra cotação das minhas ações no mercado externo.
Tô aí pra alguns, pros meus. Tô aí e estou aqui. Estou atenta. Estou dentro. Estou me vendo. Estou tentando. Estou querendo. Estou a postos só para o mínimo, o máximo. Para o que importa mesmo. Para o mistério. A verdade. O caos. O céu. O inferno. Essas coisas.
No mais, tô nem aí. Refrão e desabafo.
Martha Medeiros

Ciclos



”Encerre ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és.. E lembra-te: Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão.”
(Fernando Pessoa)

Vampiros




Eu não acredito em gnomos ou duendes, mas vampiros existem. Fique ligado, eles podem estar numa sala de bate-papo virtual, no balcão de um bar, no estacionamento de um shopping. Vampiros e vampiras aproximam-se com uma conversa fiada, pedem seu telefone, ligam no outro dia, convidam para um cinema. Quando você menos espera, está entregando a eles seu rico pescocinho e mais. Este "mais" você vai acabar descobrindo o que é com o tempo. 

Vampiros tratam você muito bem, têm muita cultura, presença de espírito e conhecimento da vida. Você fica certo que conheceu uma pessoa especial. Custa a se dar conta de que eles são vampiros, parecem gente. Até que começam a sugar você. Sugam todinho o seu amor, sugam sua confiança, sugam sua tolerância, sugam sua fé, sugam seu tempo, sugam suas ilusões. Vampiros deixam você murchinha, chupam até a última gota. Um belo dia você descobre que nunca recebeu nada em troca, que amou pelos dois, que foi sempre um ombro amigo, que sempre esteve à disposição, e sofreu tão solitariamente que hoje se encontra aí, mais carniça do que carne. 

Esta é uma historinha de terror que se repete ano após ano, por séculos. Relações vampirescas: o morcegão surge com uma carinha de fome e cansaço, como se não tivesse dormido a noite toda, e você se oferece para uma conversa, um abraço, uma força. Aí ele se revitaliza e bate as asinhas. Acontece em São Paulo, Manaus, Recife, Florianópolis, em todo lugar, não só na Transilvânia. E ocorre também entre amigos, entre colegas de trabalho, entre familiares, não só nas relações de amor. 

Doe sangue para hospitais. Dê seu sangue por um projeto de vida, por um sonho. Mas não doe para aqueles que sempre, sempre, sempre vão lhe pedir mais e lhe retribuir jamais.



Martha Medeiros

Tô relendo....



Tô relendo minha lida, minha alma, meus amores
Tô revendo minha vida, minha luta, meus valores
Tô regando minhas folhas, minhas faces, minhas flores…
Tô bebendo minhas culpas, meu veneno, meu vinho
Escrevendo minhas cartas, meu começo, meu caminho
Estou podando meu jardim
Estou cuidando bem de mim.

Mudança...



“As pessoas só mudam, quando a dor de permanecerem como são é maior que a dor de se transformarem!”

Você pensa...


Você pensa que nunca vai esquecer, e esquece. Você pensa que essa dor nunca vai passar, mas passa. Você pensa que tudo é eterno, mas não é.
( Clarice Lispector)

Sem medo



Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!
Fernando Pessoa

quarta-feira, março 23, 2011

Amadurecer



Não busques a vaidade de ter o melhor que os outros. Contenta-te com a tarefa gloriosa de tentares ser melhor que és. Que tu não sejas o teu limite de crescimento, mas o teu grande questionamento, o teu grande interrogador.
Henfil

Certeza



Esperar não é perder tempo, é ter a certeza que há um tempo certo pra tudo.
Porque Deus não demora…

Ele capricha!

Sem Anjo na Multidão (Erasmo Carlos)


Aconteceu no pelourinho este drama da vida real
um fato tão corriqueiro que nem saiu no jornal
Encheu de silicone o seu corpo e sua alma
queria ser a moça mais gostosa do lugar
fez lipo na cabeça e pensou com a panturrilha
Um mundo com butox mais bonito vai ficar
Feliz com a nova cara de esculpida anatomia
Um peito de respeito e orgulho do bum bum
no leito do horizonte fez a cama na Bahia
Tomou banho de cheiro e fez a festa no olodum
só não contava com seu personal anjo da guarda
que voltava de suas ferias e não viu sua transformação
olhou, não conheceu mais ela sambando na multidão e triste voltou pro céu,
com suas asas na mão
(CD “Samba Incrementado” – Clube do Balanço)

Coisa de Mulher (livro)


...se ela tiver coragem de passar por mais alegrias e desilusões – e a gente sabe como as desilusões devastam – , terá que ser meio doida. Se preferir se abster de emoções fortes e apaziguar seu coração, então a santidade é a opção. Eu nem preciso dizer o que penso sobre isso, preciso? Mas vamos lá. Pra começo de conversa, não acredito que haja uma única mulher no mundo que seja santa. Os marmanjos devem estar de cabelo em pé: como assim, e a minha mãe??? Nem ela caríssimos, nem ela. Existe mulher cansada, que é outra coisa. Ela deu tanto azar em suas relações que desanimou. Ela ficou tão sem dinheiro de uns tempos pra cá que deixou de ter vaidade. Ela perdeu tanto a fé em dias melhores que passou a se contentar com dias medíocres. Guardou sua loucura em alguma gaveta e nem lembra mais. Toda mulher é doida. Impossível não ser. A gente nasce com um dispositivo interno que nos informa desde cedo que, sem amor, a vida não vale a pena ser vivida, e dá-lhe usar nosso poder de sedução para encontrar the big one, aquele que será inteligente, másculo, se importará com nossos sentimentos e não nos deixará na mão jamais. Uma tarefa que dá para ocupar uma vida, não é mesmo? Eu só conheço mulher louca. Pense em qualquer uma que você conhece e me diga se ela não tem ao menos três dessas qualificações: exagerada, dramática, verborrágica, maníaca, fantasiosa, apaixonada, delirante. Pois então. Também é louca. E fascina a todos. Todas as mulheres estão dispostas a abrir a janela, não importa a idade que tenham. Nossa insanidade tem nome: chama-se Vontade de Viver até a Última Gota. Só as cansadas é que se recusam a levantar da cadeira para ver quem está chamando lá fora. E santa, fica combinado, não existe. Uma mulher que só reze, que tenha desistido dos prazeres da inquietude, que não deseje mais nada? Você vai concordar comigo: só se for louca de pedra.
Martha Medeiros
(texto abreviado)

Lua adversa



Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua…
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.
Fases que vão e vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.
E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua…)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua…
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu…
Cecília Meireles

Esquecer???



Gostar de alguém é função do coração, mas esquecer, não. É tarefa da nossa cabecinha, que aliás é nossa em termos: tem alguma coisa lá dentro que age por conta própria, sem dar satisfação. Quem dera um esforço de conscientização resolvesse o assunto (…).
Martha Medeiros

Liberdade = Felicidade



A liberdade é o espaço que a felicidade precisa…

Saudade...



Saudade é o amor que fica...

Lágrima



Quem vê uma pequena lágrima que me escorre pela face, sequer imagina que ali se concentra toda a dor do meu mundo…

Mudança



“Não há progresso sem mudanças e quem não consegue mudar a si mesmo, acaba não mudando coisa alguma.”
George  Shaw

Só...



Gosto de pessoas doces, gosto de situações claras; e por tudo isso, ando cada vez mais só.

Presta atenção!!!!!!



Se for falar mal de mim, me chame!! Sei coisas terríveis a meu respeito...

Se você...



“Se você faz o que sempre fez, conseguirá o que sempre conseguiu.”
(Khalil Gibran)

A força



“A árvore não prova a doçura dos próprios frutos, o rio não bebe suas próprias ondas, e as nuvens não despejam água sobre si mesmas: a força dos bons deve ser usada para benefício de todos.”
(Sábios Hindus)

Belo dia



Se, ao acordar, posso escolher uma roupa,
posso escolher também o sentimento que vai vestir meu dia.
Se, no percurso, posso errar o caminho
posso também escolher a paisagem que vai vestir meus olhos.
A mesma articulação que tenho para reclamar,
tenho para agradecer.
E, se posso me adornar com a alegria,
não é a tristeza que eu vou tecer.
Que hoje e sempre, seja mais um belo dia!
Marla de Queiroz

Espera...



Não espero mais nada de ninguém, por que esperar é parar o tempo...
Clarice Lispector

Só depois...



Só depois que algumas pessoas saem de nossas vidas é que então nós percebemos que… elas poderiam ter saído bem antes.

Resistência???



“Amor não resiste a tudo, não. Amor é jardim. Amor enche de erva daninha. Amizade também, todas as formas de amor.”
Caio Fernando Abreu

O amor é um jogo de iguais



Não trate como prioridade quem te trata como opção. Dê todas as chances que puder. Mas, quando não houver mais o que fazer, não faça. Pare de tentar. Você saberá quando a hora chegou. Você saberá quando já tentou tudo.
E, quando chegar este momento, olhe ao redor. Se alguém não trata você como prioridade, há quem trate. Aí pertinho de você. É só olhar com o coração.
Você merece ser prioridade de alguém. Você merece ser o rei, ou a rainha, e não o vassalo, ou vassala. O amor é um jogo de ‘iguais de coração’.