Reencontro



Essa ausência tão sentida
Essa saudade desmedida
Eu procuro a paz 
E só encontro alento
Na memória, no pensamento


Então me visto de vontade
Me encho de claridade
Paro a mente naquele ponto
E no finito dos dias meus
Reencontro o infinito nos beijos teus...


Elzinha Coelho




Postagens mais visitadas deste blog

Escolhas

Hodierno

Poesia? (Repostando)