Utopia

Ainda quero um dia assim:
Nada a me preocupar...
Nenhum dinheiro no banco...
Nenhuma conta prá pagar.
A preguiça me espreitando...
E eu doida prá abraçar.
Um dia ainda quero assim:
Folgar a mente...folgadamente...
Sem nenhuma pressa de ter fim.
Só uma rede prá me expressar...
Quero ainda um dia assim!


Elzinha Coelho

Postagens mais visitadas deste blog

Escolhas

Hodierno

Aforismos de uma Insana Sensatez