Assim... assim...



Vazio sem medida

Sem começo

Sem fim


Vazio que me transborda

Transcende a alma

Afugenta a calma


Me tira o prumo

Me faz sem rumo

Me deixa assim


Apartada de mim...



Elzinha Coelho

Postagens mais visitadas deste blog

Escolhas

Hodierno

Poesia? (Repostando)