MEUS INCENTIVADORES- GOSTARAM E FICARAM!!

sexta-feira, abril 29, 2011

Somos seres apaixonáveis



"Amar é próprio dos humanos e como já disse Drummond "somos seres apaixonáveis". Outra coisa importante: quem morre de amor é poeta. Nós até achamos que vamos morrer, mas a vida é feita de recomeços e o sofrimento de hoje é só experiência amanhã, pode apostar. Ninguém morre de amor. Eu tenho certeza do que falo!

Então meu caro, se você está aí, sentado em sua cadeira pensando na morte da bezerra, dizendo que amar não é pra você, que só porque já amou verdadeiramente não irá amar mais ou qualquer outra balela dessas, eu falo: você só não vai amar se você não quiser, se você se impuser essa pena. Não culpe o destino pela ausência de amor em sua vida. Analise suas atitudes antes de culpar quem não tem esse poder.

Não se subestime. Permita-se amar apenas! "



Trecho extraído do blog: http://www.meustemas.blogger.com.br

quinta-feira, abril 28, 2011

Boa noite.....



A vida é feita de sonhos.......então tô indo dormir........

Que confusão!!


Deus, para a felicidade do homem, inventou a fé e o amor. O Diabo, invejoso, fez o homem confundir fé com religião e amor com casamento.

Machado de Assis

Definitivo



Definitivo, como tudo o que é simples. 
Nossa dor não advém das coisas vividas, 
mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram. 

Sofremos por quê? Porque automaticamente esquecemos 
o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções 
irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado 
do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter 
tido junto e não tivemos,por todos os shows e livros e silêncios que 
gostaríamos de ter compartilhado, 
e não compartilhamos. 
Por todos os beijos cancelados, pela eternidade. 

Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas 
as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um 
amigo, para nadar, para namorar. 

Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos os 
momentos em que poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas 
angústias se ela estivesse interessada em nos compreender. 

Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada. 

Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo 
confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, 
todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar. 

Por que sofremos tanto por amor? 
O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma 
pessoa tão bacana, que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez 
companhia por um tempo razoável,um tempo feliz. 

Como aliviar a dor do que não foi vivido? A resposta é simples como um 
verso: 

Se iludindo menos e vivendo mais!!! 
A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida 
está no amor que não damos, nas forças que não usamos, 
na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do 
sofrimento,perdemos também a felicidade. 

A dor é inevitável. 
O sofrimento é opcional...
Carlos Drumond de Andrade

quarta-feira, abril 27, 2011

Ana Jácomo



"Me recordo de cada flor que veio à tona só porque tive coragem de cuidar da semente. Só porque não me acovardei, mesmo que tantas vezes com todo medo do mundo."
Ana Jácomo




Por Eudalia Fialho Torres 

Vida moderna?????




"Uma pessoa olhando para um celular que não toca - não há cena mais idiota. Os celulares foram justamente inventados para que ninguém precise mais ficar aguardando uma ligação ao lado do telefone."

Só pareço




"O problema é que quero muitas 
coisas simples, 
então pareço exigente."


Fernanda Young

segunda-feira, abril 25, 2011

Amor Maduro



O amor maduro não é menor em intensidade.
Ele é apenas silencioso.
Não é menor em extensão.
É mais definido colorido e poetizado.
Não carece de demonstrações.
Presenteia com a verdade do sentimento.
Não precisa de presenças exigidas.
Amplia-se com as ausências significativas.
O amor maduro tem e quer problemas, sim, como tudo.
Mas vive dos problemas da felicidade.
Problemas da felicidade são formas trabalhosas de construir o bem, o prazer.
Problemas da infelicidade não interessam ao amor maduro.
Na felicidade está o encontro de peles, o ficar com o gosto da boca e do cheiro do outro – está a compreensão antecipada, a adivinhação, o presente de valor interior, a emoção vivida em conjunto, os discursos silenciosos da percepção, o prazer de conviver, o
equilíbrio de carne e de espírito.
O amor maduro é a valorização do melhor do outro e a relação com a parte salva de cada pessoa.
Ele vive do que não morreu, mesmo tendo ficado para depois, vive do que fermentou
criando dimensões novas para sentimentos antigos, jardins abandonados, cheios de sementes.
Ele não pede, tem.
Não reivindica, consegue.
Não percebe, recebe.
Não exige, oferece.
Não pergunta, adivinha.
Existe, para fazer feliz.
Arthur da Távola

Afeição e Doçura



“Pensamos em demasia e sentimos bem pouco.
Mais do que máquinas, precisamos de humanidade.
Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura.
Sem essas duas virtudes,
a vida será de violência e tudo será perdido. “
(Charles Chaplin – O último discurso, do filme O Grande Ditador)

Olhar



De que matéria abstrata são feitos os olhos, para possuirem o poder do mistério?
O que há neles que trazem à margem todo sentimento que se tenta esconder?
E que outra parte do corpo pode ler ou desvendar segredos
não revelados pelos lábios?
De alguns, é possível até ver a alma.
Mistérios, segredos, sonhos, dores e amores
Tudo desvendado no encontro de olhos…
do blog Poeta de Rua

domingo, abril 24, 2011

Festival Internacional de Cinema Infantil



Parceria da TV Cultura com as diretoras Carla Camurati e Carla Esmeralda, o novo programa Festival Internacional de Cinema Infantil leva para a tela da TV aberta uma seleção super especial dos filmes internacionais infantis mais aplaudidos do festival. 




Homem Pelicano

Título Original:
 Pelikaanimes
Direção: Liisa Helminen
País: Finlândia e Suécia
Ano: 2004
Duração: 90\'

Em pleno verão, através de um belo vôo rasante, um pelicano transformado em homem aterrissa, misteriosamente, em uma praia finlandesa. Levando em conta a própria esperteza, a falta de atenção de alguns adultos e a generosidade de outros, o Sr. Pena consegue se integrar à vida humana de um jeito inteligente, curioso e quase natural. Para isso, conta com a ajuda do menino Emil e da menina Elsa.

Um filme doce, reflexivo e instigante.


Nota: Ultima conversa do Sr Pena (Pelicano) ao amigo Emil: "Nunca mais serei humano, voltarei a ser pássaro e serei outra vez imortal e Emil pergunta: Por que imortal? e ele responde: "Os pássaros são imortais porque não sabem que irão morrer..."


Não pude deixar de me perguntar, será este um dos sentidos de Liberdade?????

Andrew Kevin Walker



"Quando você dança com o diabo, você não muda o diabo, o diabo muda você."


Andrew Kevin Walker
Ator e Roteirista
"Seven - Os sete crimes capitais"; "A Lenda do Cavaleiro sem cabeça"; "Oito milímetros" entre muitos outros

Só hoje...



"Hoje eu só queria ser um cachorro.....só isso......quem sabe alguém me encheria de mimos..."

sábado, abril 23, 2011

Final de semana

Amigos, tenham um final de semana repleto de muita paz e alegrias!!!!!!!!
Muitos beijos!!!!!!
Elzinha

É o que me interessa - Lenine

Essa sou eu...é minha esséncia....




Lembre-se de que você mesmo é o melhor secretário de sua tarefa, o mais eficiente propagandista de seus ideais, a mais clara demonstração de seus princípios, o mais alto padrão do ensino superior que seu espírito abraça e a mensagem viva das elevadas noções que você transmite aos outros. Não se esqueça, igualmente, de que o maior inimigo de suas realizações mais nobres, a completa ou incompleta negação do idealismo sublime que você apregoa, a nota discordante da sinfonia do bem que pretende executar, o arquiteto de suas aflições e o destruidor de suas oportunidades de elevação - é você mesmo.

Francisco Cândido Xavier

Essa sou eu.....isso é o que acredito.....

Renato Russo


"Às vezes nem me preocupo tanto comigo... Mas há pessoas que amo e não quero vê-las sofrer"

Renato Russo

Sapiência



" Quando terminou a Segunda Guerra Mundial, perguntaram ao Primeiro Ministro britânico Winston Churchill: E agora, o que faremos? E ele respondeu: Primeiro me tragam os pequenos problemas, que os grandes se resolverão com o tempo."

Reflexão



"O homem que não anda à cata de aplausos jamais se ofende."

Karl Marx

sexta-feira, abril 22, 2011

Não é preciso



Não é preciso eu ser feio para você ter beleza

Não é preciso eu ser pobre para você ter riqueza

Não é preciso eu ser infeliz para você ter felicidade

Não é preciso eu ser desonesto para você ter honestidade

Não é preciso eu ser ignorante para você ter cultura

Não é preciso eu ser medroso para você ter bravura

Não é preciso eu ser perdedor para você ter vitória

Não é preciso eu ser esquecido para você ter memória

Não é preciso eu ser mau para você ter bondade

Não é preciso eu ser inimigo para você ter amizade

Não é preciso eu ser doente para você ter saúde

Não é preciso eu ser omisso para você ter atitude

Não é preciso eu ser mal-educado para você ter educação

Não é preciso eu ser gélido para você ter coração

Não é preciso eu ser insensível para você ter carinho

Não é preciso eu ser desorientado para você ter caminho

Não é preciso eu ser o não para você ter o sim

É preciso entender o que não é preciso

Para viver o que é preciso

Podemos ser e viver ao mesmo tempo

Ou é preciso eu estar morto para você ter sua vida?



Alex Dahlke, meu amigo "Um eterno sonhador",  Autor do livro "Axiomas Para a Vida - O Pensamento é o Caminho".
http://axiomasparavida.blogspot.com/

domingo, abril 17, 2011

Cazuza


"Tenho amor incondicional pelas pessoas que entram em minha vida e sinceramente, não sei o quanto isso é bom nos dias atuais. Talvez esse seja meu pior defeito."

"Como é estranha a natureza
morta dos que não tem dor.
Como é estéril a certeza
de quem vive sem amor..."


"Você está vivo. Esse é o seu espetáculo. Só quem se mostra se encontra. Por mais que se perca no caminho."
Cazuza

quinta-feira, abril 14, 2011

O contrário do amor


O contrário de bonito é feio, de rico é pobre, de preto é branco, isso se aprende antes de entrar na escola. Se você fizer uma enquete entre as crianças, ouvirá também que o contrário do amor é o ódio. Elas estão erradas. Faça uma enquete entre adultos e descubra a resposta certa: o contrário do amor não é o ódio, é a indiferença.

O que seria preferível, que a pessoa que você ama passasse a lhe odiar, ou que lhe fosse totalmente indiferente? Que perdesse o sono imaginando maneiras de fazer você se dar mal ou que dormisse feito um anjo a noite inteira, esquecido por completo da sua existência? O ódio é também uma maneira de se estar com alguém. Já a indiferença não aceita declarações ou reclamações: seu nome não consta mais do cadastro.


Para odiar alguém, precisamos reconhecer que esse alguém existe e que nos provoca sensações, por piores que sejam. Para odiar alguém, precisamos de um coração, ainda que frio, e raciocínio, ainda que doente. Para odiar alguém gastamos energia, neurônios e tempo. Odiar nos dá fios brancos no cabelo, rugas pela face e angústia no peito. Para odiar, necessitamos do objeto do ódio, necessitamos dele nem que seja para dedicar-lhe nosso rancor, nossa ira, nossa pouca sabedoria para entendê-lo e pouco humor para aturá-lo. O ódio, se tivesse uma cor, seria vermelho, tal qual a cor do amor.


Já para sermos indiferentes a alguém, precisamos do quê? De coisa alguma. A pessoa em questão pode saltar de bung-jump, assistir aula de fraque, ganhar um Oscar ou uma prisão perpétua, estamos nem aí. Não julgamos seus atos, não observamos seus modos, não testemunhamos sua existência. Ela não nos exige olhos, boca, coração, cérebro: nosso corpo ignora sua presença, e muito menos se dá conta de sua ausência. Não temos o número do telefone das pessoas para quem não ligamos. A indiferença, se tivesse uma cor, seria cor da água, cor do ar, cor de nada.
Martha Merdeiros

quarta-feira, abril 06, 2011

Caio Fernando Abreu



"Não é saudade, porque para mim a vida é dinâmica e nunca lamento o que se perdeu - mas é sem dúvida uma sensação muito clara de que a vida escorre talvez rápida demais e, a cada momento, tudo se perde."

Fadiga...



"Ando meio fatigado de procuras inúteis e sedes afetivas insaciáveis."


Caio Fernando Abreu

terça-feira, abril 05, 2011

Clarice


Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes… tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? Eu adoro voar!
Não me dêem fórmulas certas, por que eu não espero acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre
Clarice Lispector

Apaixone-se



Apaixone-se!
Apaixone-se pela manhã... Que em todos os dias te levanta com os pés firmes no chão.
Apaixone-se pelas canções... Que mesmo quando todos se calam, elas ainda sussurram o refrão em seus ouvidos.
Apaixone-se pelo hoje... Que te faz respirar, enxergar, sentir, viver.
Apaixone-se por você... Não existirá ninguém melhor para se amar do que a si mesmo. Pois só descobrimos o que é amor, quando nos apaixonamos primeiramente por nós mesmos.
Apaixone-se pela vida... Ela é o único presente que você diz que não pediu, mas que jamais deseja perder.
Apaixone-se mil vezes pela mesma coisa... Se esse sentimento te faz crescer, apaixone-se cada dia mais e mais.
Apaixone-se pelos dias... Eles passam depressa, e quando você menos esperar eles já não existem mais.
Apaixone-se por cada conversa... Pois ela pode ser definitiva dependendo da circunstância.
Apaixone-se pela dança... Principalmente se for a dois, pois ela te faz sentir vivo, capaz.
Apaixone-se por quem te faz sorrir... Pois essa pessoa merece muito mais que você imagina.
Apaixone-se... A vida te presenteia quando você se entrega e acredita do amor.
Apaixone-se pela vontade de amar... Pois existirá um momento em que sozinho não dará mais para ficar.
Algumas pessoas sentem medo de se apaixonar, e no entanto não se dão a oportunidade para apaixonar-se por um sonho.
A vida é curta... E na entrega ao medo, perdemos um tempo precioso.
Apaixone-se por um sonho... Acredite que tudo dará certo, pois somente a sua fé trará seu sonho pra perto de você.
Apaixone-se... Pois uma vida repleta de canções te espera... E o amor, simplesmente virá trazendo consigo uma alma apaixonada.
Apaixone-se... Pois no final poderá contemplar a magia de tudo aquilo que teve fé.
Tudo tem hora e lugar para acontecer... Basta você confiar.
Confiar que... Tudo que aconteceu é merecimento por seus sinceros desejos.
O tempo vai passar... E com ele você irá envelhecer.
E nessa rotina da vida, nunca se esqueça...
Apaixone-se mil vezes por você... Seja em qual época ou lugar for!!!



Texto enviado por Dulce, minha amiga linda.
Desconheço o autor. Se alguém souber, me diga e coloco os créditos.

Desistência...



Desistir dói demais, ainda assim, dói bem menos do que insistir em algo que não vale mais a pena...


Elzinha

domingo, abril 03, 2011

Hoje


O que eu fui ontem e anteontem já é memória. Escada vencida degrau por degrau, mas o que eu sou neste momento é o que conta, minhas decisões valem para agora, hoje é o meu dia, nenhum outro.'  
Martha Medeiros

sábado, abril 02, 2011

Palavras são só palavras ...


"Para saber quem somos, basta que se observe o que fizemos da nossa vida. Os fatos revelam tudo, as atitudes confirmam. O que você diz - com todo respeito - é apenas o que você diz. "
Martha Medeiros

Traição


Mas não se esqueça: Assim como não se deve misturar bebidas, misturar pessoas também pode dar ressaca.
Martha Medeiros

Angústia


"Escolher marido por dinheiro. Que miséria! Não há pior espécie de prostituição."
Trecho do livro 'Angústia' de Graciliano Ramos

As vezes...



"As vezes você tem que esquecer o que você quer, para começar a entender o que você merece."

Coração limpo



"Purifica o teu coração antes de permitires que o amor entre nele, pois até o mel mais doce azeda num recipiente sujo."   


 Pitágoras

sexta-feira, abril 01, 2011

Memória



"A casa da saudade chama-se memória: é uma cabana pequenina a um canto do coração."


 (Henrique Maximiliano Coelho Neto - Romancista e contista brasileiro - 1864/ 1934)

Na medida



Faça da sua ausência o bastante para que alguém sinta sua falta, mas não prolongue-a demais para que esse alguém não aprenda a viver sem ti.

Sabedoria



O que os outros pensam de você não é problema seu!!!!!!

Constatação



" O cofre do banco contém apenas dinheiro... Frustar-se-á quem pensar que nele encontrará riqueza."

Para refletir



"Um homem não pode fazer o certo numa área da vida, enquanto está ocupado em fazer o errado em outra. A vida é um todo indivisível."


(Mahatma Gandhi)

Atitudes...



Uma pessoa não é aquilo que ela diz ser,
mas sim o que ela faz durante toda a vida....

É isso...





Não me Julgue. Você sabe meu nome,
        não minha história. 

Guimarães Rosa



Eu quase que não sei nada. Mas desconfio de muita coisa....

Caminho




"Uma coisa é você achar que está no caminho certo. Outra é achar que o seu caminho é o único. Nunca podemos julgar a vida dos outros. Porque cada um sabe da sua dor e renúncia."

Essa sou eu....




Não sou sempre flor. Às vezes espinho me define tão melhor. Mas só espeto os dedos de quem acha que me tem nas mãos.