Mais amor (de verdade) por favor!


As pessoas andam por aí em busca de pessoas. A insatisfação está me parecendo crônica. O bom, o simples, o que se tem, o que  traz paz, prazer e leveza ao coração parece que não basta. Sempre se imagina que ainda exista algo melhor e que merecem esse melhor. Nesta busca acabam por não experimentar o bom que se tem. Acabam por não construir relacionamentos sólidos, verdadeiros, leais, perdendo o essencial, simplesmente por não acharem tempo de "olhar" o que possuem.  É muito triste o panorama. Vejo corações inquietos, desleais e de tamanha pequenez que me assusta. Banalizam o "Eu te amo" de uma maneira tão irresponsável que são capazes de dizer isso a mais de uma pessoa num mesmo dia. Querem se sentir amados apenas, doar-se nem pensar, não querem arcar com o preço. Amor exige renúncia, dedicação, verdade e reciprocidade! Nesta busca ansiosa por ser ter "um amor" qualquer um é belo, qualquer belo é bom até que um "melhor" apareça. E o mundo se enche de pessoas frustradas, solitárias e tristes porque não tiveram a coragem de construir um amor de verdade, iludidos e egoisticamente distraídos que estavam em querer sempre o melhor.


Elzinha Coelho

Comentários

  1. Uma bela e importante mensagem.Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Talvez seja por isso que o Amor é exigente... quando muitos pensam que o têm, afinal é uma ilusão pálida de outra coisa qualquer...

    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Ninguém vive sem um amor ou ao menos sem a ilusão de te-lo."

      Seja bem vindo!

      Abraços

      Excluir
  3. O mundo anda carente de amor, pois muitos distorceram o real significado desse sentimento tão nobre.

    Adorável tua expressão, Elzinha, adorável...

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço Will, o carinho da visita e do comentário.

      Abraço

      Excluir

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Seu comentário é fundamental. Beijos

Postagens mais visitadas deste blog

Escolhas

Hodierno